Whatsapp

O uso da prótese de silicone em procedimentos de mamoplastia é indicado para aumentar ou repor o volume mamário, além de melhorar o contorno dos seios

As próteses de silicone são estruturas de silicone, gel ou solução salina que são utilizadas em procedimentos de mamoplastia com o intuito de aumentar o volume dos seios, corrigir assimetrias ou melhorar o contorno das mamas.

Os implantes também podem ter finalidade terapêutica, neste caso sendo aplicados em reconstruções mamárias de pacientes que se submeteram a uma cirurgia para remoção de tumor da mama.

Muitas pacientes optam pela colocação de uma prótese de silicone após o período de amamentação, uma vez que os seios tendem a perder sustentação e firmeza. Mulheres que perderam uma grande quantidade de peso também podem se beneficiar de uma cirurgia para colocação do implante mamário.

Independentemente do que levou a paciente a decidir pela prótese de silicone, é importante que ela se consulte com um cirurgião plástico para verificar se essa opção é que melhor atenderá as expectativas dessa mulher.

Tipos de prótese de silicone

As próteses de silicone variam no que diz respeito à forma, perfil e tamanho, e a escolha pelo modelo ideal depende do resultado desejado pela paciente e de suas características físicas. As medidas do tórax, o gosto pessoal e o posicionamento do implante são alguns fatores que influenciam diretamente na escolha do tipo ideal de silicone: em geral, um tórax grande suporta volumes maiores, por exemplo.

Tanto a técnica aplicada como o tipo de prótese utilizada devem ser escolhidos pelo paciente juntamente com seu cirurgião plástico, de modo que as expectativas em relação à intervenção sejam alinhadas e o resultado seja o mais satisfatório possível.Considerando apenas o formato da prótese, os tipos de silicone existentes são:

  • Prótese redonda: este é o tipo mais popular, pois deixa os seios bastante evidenciados e com contorno bem definido
  • Prótese anatômica ou em forma de gota: este é o formato indicado para quem deseja um resultado mais natural e discreto;
  • Prótese cônica: possui aspecto ligeiramente mais “pontudo”, fazendo com que a mama tenha bastante projeção, deixando os seios empinados.

Como escolher o tamanho ideal do implante mamário?

O volume das próteses de silicone pode variar entre 150 ml a 600 ml, e a escolha pelo tamanho ideal deve respeitar a estrutura corporal da paciente, bem como seu biótipo, altura, distância entre ombro e quadril, estrutura óssea e formato original da mama.

Como foi explicado, o ideal é sempre conversar detalhadamente com o cirurgião plástico para definir o formato e volume mais adequados ao corpo da paciente, evitando assim arrependimento no futuro.

Como é a cirurgia para colocação da prótese de silicone?

O procedimento para implantação da prótese de silicone é feito a partir de uma incisão que pode ser realizada embaixo da mama, na aréola ou na axila da paciente. Cada uma dessas vias de acesso possui vantagens e desvantagens, que devem ser cuidadosamente avaliadas e discutidas no período pré-operatório da cirurgia.

A escolha dependerá da preferência da paciente, do formato das mamas e da recomendação do cirurgião plástico que acompanha essa mulher, que levará em conta os exames clínicos apresentados pela paciente e suas características físicas como um todo.

Quem não pode colocar prótese de silicone?

Por mais que o uso da prótese de silicone seja bastante seguro, sua implantação é contraindicada para mulheres grávidas ou que estejam no período pós-parto e/ou de amamentação. Nesses casos, é preciso esperar pelo menos 3-6 meses após o término do período de amamentação para se submeter à mamoplastia.

Pacientes com doenças imunológicas, tais como artrite reumatoide, lúpus, esclerodermia ou doenças clínicas graves também não devem se submeter ao procedimento de implantação de prótese mamária. Mulheres com histórico familiar de câncer de mama, por sua vez, precisam ser avaliadas cuidadosamente e ser submetidas a exames específicos antes de serem liberadas a realizar o procedimento.

Resultado da mamoplastia com prótese de silicone

É importante evidenciar que o resultado da cirurgia plástica com o uso de prótese de silicone leva 12 meses, em média. Isso deve-se ao fato de uma movimentação natural da pele e da prótese se acomodando no organismo. Nos primeiros meses da cirurgia a prótese fica bem alta, mas com o passar do tempo ela cede um pouco, ficando com um aspecto mais natural.

Essas e tantas outras informações relativas às próteses de silicone devem ser previamente informadas pelo cirurgião plástico. Logo, caso queira saber mais detalhes e curiosidades a respeito da prótese de silicone e tirar todas as suas a respeito da mamoplastia ou reconstrução mamária, entre em contato e agende uma consulta com o Dr. Rogério Mendes.

Fontes:

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica;

Clínica de Cirurgia Plástica — Dr. Rogério Mendes.